26 de jan de 2010

...

Espero.
Por um daqueles instantes novamente
Espero...
Por um daqueles entorpecentes beijos
Espero...
Por aquele olhar hipnotizante
Por um momento único que envolvia a alma
Congelando o universo à volta
Espero...
Por um retorno que não há
O que fazer?
Como me livrar dessa espera louca?
Como abandonar minha saudade dos nossos raros dias?
Espero.
Por que tanto espero?
Busco respostas...
Fecho os olhos
Navego com meu espírito
Para dentro do meu interior
Buscando solução...
Buscando uma maneira de curar meu sonhador e tolo coração...

Nenhum comentário: